Ajude a manter esse site!!!

sexta-feira, 25 de maio de 2012

Educação Musical: Percussão Corporal Barbatuques 2

Olá pessoal,  nas minhas pesquisas do que postar aqui, eu resolvi ampliar um pouco mais uma matéria que foi muito acessada e que uso diáriamente em minha sala de aula, com vocês: BARBATUQUES!!!


Você sabe o que o Barbatuques é ?

Palmas, estalos, batidas no peito, sapateados, efeitos vocais e vários outros sons corporais são transformados em ritmos e melodias através de oito músicos em movimento.
O grupo de percussão corporal Barbatuques descobriu em suas pesquisas uma quantidade de sons suficiente para transformá-lo em uma verdadeira orquestra corporal. Este trabalho iniciado pelo músico Fernando Barba, explora a expressão musical através da descoberta dos inúmeros sons que podem ser produzidos pelo corpo humano e das possibilidades cênicas que surgem a partir desse movimento. O grupo se afirma por resgatar sons orgânicos e tribais colocando-os em contato com sonoridades contemporâneas e celebrando o corpo como fonte infinita de música e movimento.
O Barbatuques desperta nas crianças uma identificação imediata. A realização de um trabalho para esse público é, portanto, uma consequencia natural para o grupo. Assim nasceu TUM PÁ, espetáculo concebido especialmente para o público infantil que apresenta jogos rítmicos com pés e palmas, melodias de assobios e cantos, imitação de instrumentos musicais, utilização de diferentes recursos fonéticos e outros elementos como: jogos cumulativos, adivinhas musicais e repetições de ritmos que despertam uma escuta ativa.
Referencia em música corporal, o grupo viajou e se apresentou em diversos países como China, África do Sul, Senegal, França, Espanha, Rússia, Líbano, Estados Unidos e Colômbia. Realizando através de sua arte um convite ao prazer, ao amor pela música e poesia através daquilo que é essencialmente belo e lúdico: o corpo humano.














Link/Fonte: http://barbatuques.com.br/tumpa/barbatuques.php

                     http://www.barbatuques.com.br/br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário