Ajude a manter esse site!!!

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Educação Musical: Série Pedagogias - Método Willems 2

Site Oficial da Associação Internacional de Educação Musical Willems !

Esse Movimento internacional é aberto a todas as pessoas interessadas pela obra de Edgar Willems sobre a pedagogia, a psicologia e a filosofia da música.
Em reação a austeridade dos conservatórios que se destinavam somente às crianças “dotadas”, os métodos chamados de “ativos” nos anos 1960 utilizavam jogos destinados a captar o interesse das crianças. Infelizmente, mais cedo ou mais tarde essas crianças “passariam para as coisas sérias”, e então tudo teria de recomeçar...
Edgar Willems resolveu esse problema colocando precisamente uma progressão pedagógica de uma coerência contínua desde o primeiro curso de iniciação musical até o solfejo avançado e à prática instrumental.
Que método é esse, que dá ao professor bases profundas para a educação musical de seus alunos ao mesmo tempo que a liberdade de sua evolução pessoal artística e humana?
Você descobrirá percorrendo esse site : seus fundamentos, sua progressão pedagógica, os programas de formação para os professores, a estrutura associativa do Movimento e sua implantação no mundo....
Posteriormente você encontrará também um fórum aberto às trocas de experiências, e contatos com nossos parceiros e escolas willemsianas.
Uma boa visita !


quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Educação Musical: Construir Instrumentos Musicais com Sucata Projeto Ecoviver.

Projeto Ecoviver...

Desenvolvido por ambientalistas e pedagogos, o Ecoviver é um projeto educativo e artístico que visa difundir e estimular a conscientização ambiental nas comunidades e em alunos do Ensino Fundamental.


Desde 2006, o Ecoviver atendeu 18 cidades, mais de 600 escolas, capacitou em torno de 1.500 educadores e envolveu mais de 100 mil alunos em um tema abrangente, que precisa ser tratado como prioridade na implantação de mudança de valores e de comportamento: o lixo.




Educação Musical: Série Pedagogias - Método Willems

Essa é a primeira postagem desta que pretende ser uma série falando sobre os principais pedagogos musicais e suas metodologias.

Escolhi um texto da educadora musical Carmen Mettig Rocha, uma das principais divulgadoras do método Willems aqui no Brasil.
O trabalho de Carmen merece uma postagem exclusiva devido o grande trabalho que ela realiza, vou colocar o link do IEM - Instituto de Educação Musical, que é a escola administrada por ela, lá tem mais textos sobre a pegagogia, livros para compra,  e os cursos oferecidos.


Não deixe de entrar nesse link a seguir onde você encontra muitos textos escritos pela Carmen Mettig Rocha.


Educação Musical Willems

Síntese

Carmen Mettig Rocha


É inegável o valor da música no processo do desenvolvimento da criança uma vez que promove a participação total do ser humano dinâmico - sensorial, afetivo,mental e espiritual.
Quando realizada dentro do verdadeiro espírito, a música colabora no desenvolvimento de todas as faculdades humanas, daí a necessidade de por a Educação Musical ao alcance de todos.
De acordo com os princípios do professor Edgar Willems (ver caderno nº 0 ), a
iniciação musical propõe-se a:

1. desenvolver nas crianças o amor pela música e prepará-los com alegria para a prática vocal ou instrumental da música.
2. Dar as crianças por meio meios apropriados e vivos, um máximo de possibilidades de aprenderem música, ainda que não sejam especialmente dotados para isso.
3. dar esta oportunidade quanto possível a todas as crianças o que é realizável, visto que os elementos fundamentais de atividade musical são próprios a todo ser humano Ao fazer esta afirmação pensamos no instinto rítmico, na audição, na sensorialidade, na emotividade, na inteligência ordenadora da criança.
4. Dotar a Educação Musical desde o começo de raízes profundamente humanas. Trata-se não apenas de ensinar “rudimentos da música” mas, ainda, sobretudo, de estabelecer as bases da arte musical. O contato com as crianças, suas reações, tendências e iniciativas dão, a este respeito, as mais valiosas indicações ao educador.
5. Favorecer por meio da música viva, o desabrochar da criança.
E como condições básicas indispensáveis ao educador, ele aponta:

• Amar a criança e a música.
• Conhecer as bases psicológicas de Educação Musical e a psicologia infantil.
• Encarar a música como meio de cultura humana.
Além disso, o professor deve ser dinâmico, receptivo à vida, possuidor de imaginação criadora, entusiasta e desta forma, ao mesmo tempo em que ele realiza um trabalho de Educação Musical ele permite a si mesmo um maior enriquecimento.
A música não deve ser tomada como um meio de recreação, ela é, como diz professor Willems no seu caderno nº 0 “a expressão daquilo que o ser humano tem em si de mais profundo”.
Elementos essenciais do Método

1. Baseia - se nas relações psicológicas estabelecidas entre a música e o ser humano.
2. Não utiliza elementos extra musicais.
3. A Iniciação nesta 1ª etapa é essencialmente prática.
A atividade pedagógica do seu método compreende: canções, cultura auditiva, desenvolvimento do sentido rítmico, além dos nomes das notas e um simples vocabulário musical.
As Canções devem ser encaradas sob o ponto de vista educativo; canções simples, preparatórias para o instrumento, canções ritmadas, de intervalo etc.
O desenvolvimento auditivo educa a sensorialidade, a sensibilidade afetiva e consciência mental.
A 1ª etapa (sensorialidade) refere-se a fazer ouvir, reconhecer, reproduzir os sons. A atividade orgânica pode ser desenvolvida cada vez mais e para isso, é necessário o trabalho auditivo.
A sensibilidade auditiva encontramos na reação ao som isolado, movimento sonoro, intervalos melódicos, a melodia, intervalos harmônicos, acordes, enfim a harmonia.
Ela inicia no memento em que reagimos ao impacto sonoro. Musicalmente falando, é o elemento melódico, que provocará em nós reações afetivas bem diversas e sutis.

Pela inteligência auditiva tornamos-nos conscientes dos diversos elementos musicais.

Os exercícios rítmicos servem para despertar e desenvolver o sentido rítmico (instinto e consciência) enriquecendo a imaginação motriz, dinâmica. O ritmo deve ser considerado como um movimento ordenado e desempenhará um papel importante no trabalho musical.
Para desenvolver o sentido do tempo, do compasso etc, utilizar-se-á o movimento corporal, a marcha (quantitativamente e qualitativamente ).
A marcação dos compassos concorrerá para a tomada de consciência do ritmo.
Poder-se -á utilizar também um certo vocabulário como simples etiquetas.
Os princípios adotados devem poder manter o seu valor através de todo o estudo musical e referem - se aos elementos fundamentais da música, relacionados à natureza humana.
Não deve ser a música considerada apenas em si mesma.Ela é tributária de diversas
faculdades humanas, físicas, afetivas e mentais.
Façamos música, dentro de princípios verdadeiros e com amor. Assim, contribuiremos para um maior e melhor desabrochar da alma infantil.

sábado, 19 de fevereiro de 2011

Educação Musical: Aprenda a fazer um jogo da memória com figuras musicais.


Educação Musical: Jogos de Copos e Jogos de Mãos.


Esses tipos de jogos são uma poderosa ferramenta de trabalho para educadores em geral pois o jogo abre possibilidades para vários campos de trabalho  inclusive para a música, principalmente utulizando para a propriedade do som duração, e auxiliando na coordenação motora fina, além de propor o uso da criatividade das crianças, desafiando-os a criar novos jogos e coreografias.Um dos maiores colaboradores desses jogos é o selo Lenga Lenga.

O selo Lenga la Lenga apresenta os trabalhos desenvolvidos pelo projeto de produção de material didático do Núcleo de Educação Musical, coordenado por Viviane Beineke e Sérgio Paulo Ribeiro de Freitas, que visa contribuir na formação de educadores musicais através da pesquisa e produção de materiais musicais para o público infanto-juvenil.

Os trabalhos caracterizam-se pela conjugação da qualidade artística e educativa, propondo materiais que partem de propostas pedagógico-musicais para uso do professor na educação básica.



A seguir varios videos ...


Educação Musical: Jogos Barbatuques

Um jogo super bacana, é mais dificil aplicar com iniciantes, mas com um pouco de treino a galera chega lá.

Educação Musical: Percussão Corporal Barbatuques

A percussão corporal é um recurso importante para os professores de música, pois além de um rico colorido timbrístico ele ajuda desenvolver a coordenação motora e a criação musical dos alunos.
Esta aí pessoal um recurso de não se deve deixar de usar.

Partitura: FIC festival Internacional de Corais.

O FIC é um festival de corais de Belo Horizonte, Minas Gerais, no site você encontra todas as informações sobre o festival e suas edições anteriores, mas o mais legal é o banco de partituras o site mantém para download nas versões pdf, Encore e Sibelius, confiram...

Link: http://www.festivaldecorais.com.br/versao/oitavo/arranjo.aspx

Educação Musical: Cecília Cavalieri França

Cecília Cavalieri França é educadora musical (Ph.D pela University of London, 1998) especialista na iniciação musical de crianças. É professora e pesquisadora da Escola de Música da UFMG, autora de livros e Cds para educação musical. Sua produção artística e acadêmica é reconhecida e respeitada por educadores do circuito nacional e internacional.


Partitura: Mais um site com partituras gratis para instrumento solo.

No rowy você encontra muitas partituras separadas com instrumentos, ou se preferir por autor, também encontra folhas com pentagramas em branco com sistemas e pauta simples e capas personalisadas para você colocar de folha de rosto de suas partituras.

Link: http://www.rowy.net/partituras.html

Partitura: Partituras, audios e documentos sobre o Canto Gregoriano.

No blog Monástico você encontra os links para dois excelentes sites com arquivos de áudio e partituras de canto gregoriano, o primeiro link é um enorme site de arquivos, audios e documentos, inclusive métodos de teoria da notação medieval, encontrados em Latim ou em Inglês, show de bola.
O segundo link, são partituras e gravações dos monges do Mosteiro de São Bento de São Paulo, com o ano litúrgico completo.
O terceiro link é o do blog do qual eu tirei as informações, e o quarto o do próprio Mosteiro que oferece várias atividades.

Link: http://www.musicasacra.com/
Link: http://www.christusrex.org/www2/cantgreg/todas_as_missas.html
Link : http://monastico.blogspot.com/
Link: http://www.mosteiro.org.br/

Partitura: Partituras para Coro gratis...

O CPDL é um ótimo site  pra você que precisa de variedade de repertório para coro, tem diversas partituras de diferentes niveis, estilos e linguagens. esta aí mais um sitio de parts gratis.

Link: http://www2.cpdl.org/wiki/index.php/P%C3%A1gina_principal

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Dica: Ouvir a Música da era do Radio e dos discos 78 rpm.

A Collector's Editora, atualmente Collector's Studios, foi fundada em 1983 com o objetivo de resgatar e preservar a memória do rádio das décadas de 40 e 50 e da música popular brasileira do tempo do disco de 78 rpm.

Dicas:Canal virtual da FUNARTE Radio

  A radio do canal virtual da FUNARTE fornece uma infinidade de riquesas da nossa música, simplesmente fantastico, música popular no seu mais alto nível, música erudita brasileira, uma raridade, música folclorica e outros projetos patriocinados.
Se preferir você pode escolher ao inves da radio,  ouvir cds inteiros separados por generos.

Link: http://www.canalvirtual.org/radio.php

Partitura: Projeto Música Coral do Brasil FUNARTE

  Por meio da coleção Música Coral do Brasil, a Fundação Nacional de Artes coloca ao alcance de músicos de todo o mundo partituras on-line de obras originais e arranjos de compositores brasileiros do século 20, pertencentes a variadas tendências da música coral. As edições, patrocinadas pela Petrobras, trazem ainda informações técnicas e estilísticas sobre cada obra, além de guia fonético e arquivos de áudio da locução dos poemas, de grande utilidade para regentes e coralistas estrangeiros.
Compositores como Almeida Prado, Gilberto Mendes, Ronaldo Miranda e Ricardo Tacuchian, alguns dos principais nomes da música brasileira, tem obras suas divulgadas no Canal Funarte. As partituras ficam disponíveis a todos os usuários da internet, para consulta, download e impressão. O material, editado e publicado pela Funarte originalmente na década de 1980, já estava há muito esgotado no mercado.
O objetivo da Funarte é compartilhar com internautas, de forma gratuita, grande parte do acervo da instituição, que reúne gravações raras de diversos gêneros da música brasileira, entrevistas com personalidades das artes cênicas, música e artes visuais, além de imagens e informações relevantes, como endereços de museus no Brasil e no mundo.

Link: http://www.canalvirtual.org/partituras.php